EMENDAS QUE PASSARAM DE R$ 300 MIL SÃO REJEITADAS

0
103

A LOA (lei Orçamentária Anual), que estima receita e fixa despesas da cidade para 2022, foi aprovada pelos vereadores na sessão de ontem (06/12). A expectativa do Poder Público é de arrecadar R$ 471 milhões, ou seja, R$ 22 milhões a mais do que em 2021.

O Legislativo aprovou várias emendas, mas o que rola nos bastidores é de que houve um acordo entre os vereadores e o prefeito Ivan Cassaro. Cada um deveria apresentar emendas que totalizavam até R$ 300 mil cada. Os únicos vereadores que fugiram da “regra” foram Tito Coló e Luís Henrique Chupeta, que pediram por investimentos mais altos e tiveram as emendas rejeitadas.

Ao todo, os vereadores apresentaram 50 emendas à LOA. Foram rejeitadas apenas as emendas de nº 01 a 07.

Dentre os pedidos, constam recursos para compra de medicamentos, saúde mental, serviço de fisioterapia, melhorias na Clínica Veterinária Municipal, construção e recuperação de áreas de lazer, instalação de ecopontos, compra de veículos para a saúde e carros adaptador para cadeirantes, recuperação de estradas rurais, reforma da Policlínica do Pedro Ometto, viabilização de creche e unidade de saúde no Cidade Alta e fomento ao atendimento odontológico na rede básica.

Informações: Diário do Jahu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui