JAÚ – VIGILANTE QUE MORREU EM JULHO FOI VÍTIMA DE LATROCÍNIO

0
281

A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) identificou o provável autor do crime que matou o vigilante Walter Evandro dos Santos no dia 26 de julho. Segundo as investigações, Walter foi vítima de um latrocínio.

O provável autor, identificado como R.F.D.S., de 27 anos, foi preso em agosto em razão de prisões temporárias, convertidas em preventivas, haja em vista que ele praticou 5 roubos e uma tentativa de latrocínio.

Nos crimes, ele ameaçava as vítimas com uma faca, chegando a golpear algumas que se recusavam a entregar os celulares. Após esfaquear o vigilante no dia 26 de julho porque ele se recusou a entregar o celular, o criminoso fugiu usando uma bicicleta para o Jardim Pedro Ometto.

Lá, ele pegou o celular de uma mulher e no dia 29 de julho, ele esfaqueou outro homem que também se recusou a lhe entregar o celular em um ponto de ônibus no Distrito de Potunduva. A vítima foi atingida na cabeça e no tórax, mas sobreviveu.

Os investigadores apreenderam a bicicleta usada nos crimes e identificaram que foi ele o autor do homicídio que vitimou o vigilante, alterando para latrocínio. A faca também foi apreendida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui