CASO BETINHO – POLÍCIA CIVIL DE JAÚ ABRE NOVO INQUÉRITO PARA INVESTIGAR PARTICIPAÇÃO DE QUINTA PESSOA

0
396

A Polícia Civil em Jaú abriu um novo inquérito para apurar a participação de uma quinta pessoa na morte do músico Roberto Padrenosso Filho, que era conhecido como Betinho.

Quatro pessoas envolvidas no caso foram denunciadas na quarta-feira (24/11) pelo Ministério Público por homicídio, sequestro e cárcere privado.

O músico era levado pelos homens para uma clínica de recuperação em Valinhos, que fica cerca de 220 km de distância de Jaú, no dia 8 de novembro, quando chegou morto em uma Unidade de Pronto-atendimento da cidade.

Segundo o delegado responsável pela investigação, Aldo Eduardo Lorenzin, o inquérito sobre a morte e que apurava o envolvimento dos quatro homens que fizeram o transporte de Betinho foi concluído, porém uma nova investigação foi aberta para apurar a participação de uma quinta pessoa.

“Esse teria se apresentado, inicialmente, para a irmã da vítima como o responsável pela remoção do Betinho, mas desapareceu ao saber do óbito dele. Já identificamos essa pessoa e abrimos o inquérito para apurar o envolvimento dela no caso”, afirma o delegado.

Informações: G1 Bauru.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui